Wednesday, September 30, 2009

Parar

Procuro o silêncio da minha alma
Descansar nos meus próprios braços
Parar o mundo
E contemplar a vida
Parar o tempo
E respirar, aqui e agora

2 comments:

cris said...

Procuro o mesmo... e que bom quando por uns instantes que seja nos encontramos nesse abraço...

Um dia feliz para ti ***

Kali said...

:) é bem verdade, Cris. É... bem, apenas é, acho que não há palavras para descrever... mas parece-me sempre tão fugidio, agora estou lá e agora já não estou...

Bjs