Saturday, March 21, 2009

Transbordar

Hoje sinto a alma sair do mais fundo de mim e espalhar-se por todas as células, pelos mais pequenos átomos do meu corpo. Quero viver, ser quem nasci para ser.

Sinto uma força imensa, um sentimento de amor para além do imaginável. Tudo isto esteve escondido durante muitos anos, agora é hora de sair, viver, mudar a minha vida, mudar o mundo.

Respirar fundo faz-me sentir o ser mais profundo em mim, mas faz-me também sentir a frustação desta vida que levo. Sinto-me presa e quero voar. Voar, voar, sentir o vento e o sol.

Sinto, sei que sou mais, muito mais.

Sinto a minha alma sair por todos os poros do meu corpo, encher-me de vida, transbordar para o mundo. E é isso que eu quero: viver, ser eu.

2 comments:

Mag said...

Kali... sermos nós mesmas é a coisa mais difícil deste Mundo! É tanta a censura, o desrespeito, a insensibilidade, o egoísmo, que há dias em que parece que vivo num Mundo àparte!

Kali said...

É verdade Mag, é difícil sermos nós mesmas. Mas como diz o teu post (http://laranjapreto.blogspot.com/2009/04/beleza-nas-letras.html): "Doi só no começo."

Das primeiras vezes que me atrevi a mostrar a minha diferença, também encontrei essa censura, desrespeito (e tantos outros). Mas ao fim de algum tempo comecei a conhecer pessoas que assumiam plenamente a sua diferença e juntar-me a elas (mesmo que por pouco tempo) ajudou-me a aceitar quem sou.

Porque a verdade é que a maior censura, desrespeito e insensibilidade vem de nós mesmas, que amputamos a nossa liberdade e a nossa expressão em troca do conforto da aceitação da sociedade que conhecemos.

O meu processo de começar a mostrar quem sou (porque sei que estou só no início) dura já há algum tempo, é um caminho penoso mas que vale a pena percorrer.

O que te posso dizer é: aceita e ama incondicionalmente essa pessoa única e linda que és, e sempre que tiveres oportunidade junta-te a outras pessoas que não têm pudor algum em viver quem realmente são.

Ama (se conseguires) aqueles que te censuram, porque eles apenas têm medo da tua coragem. Veêm em ti a liberdade que não se permitem a eles próprios.

Tem em atenção que seguires estes conselhos pode mudar irremediavelmente a tua vida :) pelo menos mudou a minha, e que bom que é! :D