Thursday, April 16, 2009

O que me diz o medo

Escolhi mudar de vida. Deixar o meu emprego, ir morar no campo e viver daquilo que me dá prazer: ser terapeuta de reiki, dedicar-me à permacultura, fazer e vender pão, bolachas, compotas e outras coisas que irão surgindo.

Depois de tomada a decisão senti a leveza de ter tomado o caminho certo, mas pouco tempo depois fui assaltada pelo medo... recusei-me a olhar para ele, achei que me ia dizer para voltar atrás, que não ia conseguir sustentar-me e pagar as contas no final do mês. Fechei-me a este sentimento e repeti para mim mesma "Sou forte, é isto que quero e vou conseguir materializá-lo".

Mas durante os dias seguintes o medo continuou lá, a lembrar-me constantemente da sua presença. E eu teimosamente continuei a resistir olhá-lo nos olhos.

Hoje permiti-me finalmente sentir e ouvir tudo o que este sentimento trazia. E para meu espanto disse-me:

Escolheste um caminho desconhecido, não te podes dar ao luxo de o trilhar de olhos fechados.
Aceita a tua fraqueza assim como a tua força.
Respira fundo, ergue a cabeça e sente a vida correr no teu corpo.
Sente como o desconhecido, o medo, o novo te fazem sentir incrivelmente viva.
Sente o prazer e a dor, o medo e a certeza, tudo ao mesmo tempo.
Porque a vida é assim mesmo: intensa como um orgasmo.

Lembrei-me do que disse o Pramod num dos encontros do umbigo: para lá do medo está o prazer. E de facto, apesar de sentir o medo da mudança, a verdade é que me sinto incrivelmente viva.

Amo-vos.

4 comments:

cris said...

E que bom é ter coragem de desafiar o desconhecido e ir de coração aberto em direcção aos nossos sonhos!
Bem hajas :O)
e obrigada pela visita ao "meu" espaço! Volta sempre ***

Mag said...

É mesmo o medo que nos alerta para as coisas realmente importantes! Se ele não existisse, não nos lembrava o quanto é bom viver...
Parabéns por uma mudança vivida com tanta coragem! E que seja um caminho de absoluta satisfação pessoal :)

P.S - Bolachas, pão e compota parece-me muito bem... tens de dar a direcção :)

Kali said...

Cris, os teus posts tocam-me. Continua ;)

Mag, brevemente terei um site e deixarei o endereço aqui. Se viveres em Coimbra ou passares por cá, podemos combinar uma conversa.
Reparei agora que somos do mesmo signo e quase da mesma idade :)

Beijinhos às duas

Mag said...

Kali, já tinha reparado nisso ;) vivo longe de Coimbra, mas qd estiver perto avisar-te-ei, certamente! :)
Beijito